ACENTUAÇÃO DE DÓI E FOI

Muitos alunos têm esta dúvida. Porque é que a forma verbal “dói” é acentuada e “foi” não?
Esta é uma dúvida muito frequente uma vez que ambas formas verbais são monossílabos.
A explicação é simples.

Vejamos:

A diferença a que se refere a pergunta deve-se ao facto de, em português, o “o” do ditongo “oi” poder ser aberto ou fechado. Fala-se, por isso, de ditongo aberto (rói) e ditongo fechado (foi). Na ortografia portuguesa, acentuam-se os ditongos decrescentes abertos que ocorrem em monossílabos e palavras agudas de uma sílaba. É por isso que dóiróidestrói e caracóis têm acento agudo.

No entanto, se o ditongo “oi” ocorre sem acento agudo nas condições já descritas, é porque é fechado:

boifoiEstoi (topónimo) (pronunciam-se “bôi”, “fôi”, “Estôi”).

Refira-se que, em princípio, este contraste ditongo aberto e ditongo fechado também existe entre éi e eifiéis (plural de fielvs. fieis (2.ª pessoa do plural do presente do indicativo do verbo fiar). Contudo, este contraste é cada vez menos produzido entre os falantes de português europeu, que pronunciam fiéis e fieis da mesma maneira, isto é, com o ditongo fechado, que no padrão tem a pronúncia “âi” (em transcrição fonética [ɐj]).

acentuacao-grafica

Anúncios

Sobre José Xavier

Profesor de portugués nativo y licenciado en filología portuguesa
Esta entrada foi publicada em Gramática com as etiquetas , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s